Programa – Eixo 6

Programa – Eixo 6

APOIO À/AO PSICÓLOG@ JÚNIOR

Dignificar o estágio profissional e assegurar critérios de exigência no acesso à profissão implica apoiar @s nov@s colegas neste processo. Nesse sentido, propomo-nos:

1. Reduzir os custos inerentes ao Ano Profissional Júnior (340€) e criar uma linha de financiamento para pagamento parcelar após o estágio;

2. Permitir alargar o período de estágio até 24 meses (mediante a sua realização em tempo parcial), no sentido de promover a equidade no acesso à profissão;

3. Reforçar o papel d@ Provedor/a d@ Estagiári@ ao longo de todo o processo inerente ao acesso, decurso e validação do Ano Profissional Júnior;

4. Rever os procedimentos de validação do Ano Profissional Júnior e respetivos relatórios (de progresso e relatório final), no sentido de garantir a sua qualidade e adequação;

5. Atualizar o modelo da formação de acesso à OPP:

– disponibilizar módulos de desenvolvimento pessoal, para que @s Psicólog@s Júniores possam gerir as suas dificuldades e potenciar os seus pontos fortes, promovendo as competências necessárias à procura de emprego e à prática profissional, como comunicação e utilização das redes sociais;

– autonomizar o apoio ao empreendedorismo para @s Estagiári@s orientad@s para a criação do próprio negócio;

– rever os critérios e procedimentos de contratação de Formadores/as;

6. Fazer um controlo da qualidade dos estágios, recolhendo a avaliação das entidades acolhedoras pel@s Estagiári@s e Orientador@s e atribuindo um selo de qualidade aos contextos que se destaquem pela experiência formativa proporcionada;

7. Negociar com o Estado o apoio financeiro à realização de estágios profissionais em entidades públicas;

8. Articular com a ANEP temas que sejam do seu âmbito de atuação;

9. Reivindicar estágios profissionais na administração pública (ex., hospitais, escolas, autarquias,…), tal como acontece com outras classes profissionais;

10. Aumentar o número de Orientador@s de estágios através da criação de incentivos (por exemplo, permitindo a inscrição gratuita nos Congressos);

11. Dotar a Comissão de Estágios de competências para, periodicamente, fazer monitorização aos locais de estágio protocolados, de forma a perceber se @s Psicólog@s Júniores desempenham as funções necessárias à sua formação profissional, respeito pela sua autonomia técnica e científica bem como situações a serem passíveis de denúncia às autoridades competentes;

12. Aumentar o número de membros da Comissão de Estágios para acelerar a análise e avaliação de projetos de estágio;

13. Abrir a plataforma bolsa emprego a Psicólog@s Júniores.

 

Para mais informações consulte o programa completo neste link: https://www.psis-pelos-psis.pt/programa/

© 2020 - Psicólog@s Pel@s Psicólog@s

A Lista A - Psiclog@s pel@s Psiclog@s (liderada pela candidata Snia Rodrigues) a Alternativa necessria Lista B - Mobilizar os Psiclogos (liderada pelo atual Bastonrio Francisco Rodrigues)

Ao navegar neste site, concorda com a nossa política de cookies. saber mais

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close